O novo game de Cavaleiros do Zodíaco, Saint Seiya: Awakening , não apenas dá ao jogador a oportunidade de controlar os Cavaleiros de Bronze no campo de batalha como também traz os de ouro e prata; inimigos/aliados memoráveis da era clássica da franquia.

Vamos contar para você, leitor, como aumentar as chances de invocar um Cavaleiro de Ouro em Saint Seiya: Awakening. Atenção: isto não significa que, ao seguir os passos descritos abaixo, você vai invocar Shaka de Virgem com a maior facilidade do mundo. O objetivo é apenas mostrar como aumentar as chances de ganhar um Cavaleiro S no jogo

Calculando a Sorte

Em primeiro lugar, ao acessar o menu de Invocação — aquela tela na qual o jogador pode olhar para as constelações –, verifique quais gemas você possui. Cavaleiros de Ouro só podem ser invocados com as gemas “Avançado” e “RA” (Realidade Aumentada).

Após assegurar-se de que possui uma “Gema Avançada” ou uma “Gema RA”, olhe para o canto inferior esquerdo da tela.


Me refiro ao local em que, no exemplo acima, está escrito “Muito Sortudo”. Este é um indicativo superficial do quão provável é que você invoque um Cavaleiro de nível S. A lógica é a seguinte:

  • Sortudo: Pouco provável
  • Muito Sortudo: Moderadamente provável
  • O Mais Sortudo: O mais provável possível

Em que direção lançar a Gema?

Evidentemente, com base no que foi descrito acima, o ideal é gastar gemas nos dias em que a sorte do jogador está marcada como “O Mais Sortudo”.

Abaixo da descrição da sorte, consta uma breve mensagem. Este texto pode não parecer tão relevante, mas é ao somá-lo com outro fator importante que as chances de sucesso são maximizadas.


Este aspecto fundamental que deve ser levado em consideração antes do arremesso são as coordenadas em que precisam ser arremessadas as Gemas.

O site GamingPH divulgou uma tabela que vem sendo utilizada por jogadores do mundo inteiro na qual constam as coordenadas ideais para realizar uma invocação, levando em consideração a sorte do jogador e o texto que acompanha esta sorte.

O arremesso não precisa ser extremamente preciso; aproximar-se dos números sugeridos é o suficiente. Confira a tabela abaixo, como traduzida por Kazuki Mazda:

  • Os tempos estão Mudando: Não aponte para nenhuma constelação
  • Sorte Boreal: Pegasus (22°06’39”, 23h8m0s)
  • Sorte Ocidental: Áries (25°47’51”, 2h8m9s)
  • Sorte Ocidental: Virgem (0°44’45”, 12h14m35s)
  • Sorte Oriental: Sagitário (-37°33’9″, 19h13m5s)
  • Sorte Oriental: Entre leão, virgem e Cães de caça (17°55’29”, 12h3m42s)
  • Sorte Oriental: Libra (-15°8’17”, 15h1m16s)
  • Sorte Oriental: Escorpião (28°33’56”, 16h8m26s)
  • Sorte Oriental: Grou (-46°29’20”, 21h14m25s)
  • Sorte do Sul: Áries (25°47’51”, 2h8m9s)
  • Sorte do Sul: Centro de Cancer (3°43’51”, 8h9m50s)
  • Curiosidade quase infinita: Escorpião (28°33’56”, 16h8m26s)
  • Curiosidade quase infinita: Cães de Caça (38°2’17”, 12h9m27s)
  • Três constelações estão com sorte: Escorpião (28°33’56”, 16h8m26s)
  • Inícios e Fins: Entre Áries e Peixes (17°48’34”, 1h14m43s)

O que são todos esses números?

Suponhamos que eu esteja em um dia “Muito Sortudo” e abaixo da descrição da minha sorte conste o texto “Três Constelações Estão com Sorte”.

Para aumentar minhas chances de invocar um cavaleiro nível S, preciso identificar quais são a constelação e coordenadas que otimizam esta probabilidade com base na tabela acima.

No caso do exemplo citado, eu precisaria seguir os dados que constam nesta linha: “Três constelações estão com sorte: Escorpião (28°33’56”, 16h8m26s)”.

Ou seja, após clicar na gema que pretendo usar, preciso encontrar a constelação de Escorpião e arremessar com cuidado, prestando atenção nos pequenos números que cercam a mira. Significa que com certeza vou obter o que quero? Não, mas torna isto muito mais provável.

Agências/IGN