Durante a Games Developers Conference realizada nesta terça-feira (19), em São Francisco, EUA,  foi apresentado a plataforma Stadia, que deverá unir games via streaming, que deverá integrar smartphones, tablets e PCs para se jogar games.

O serviço não precisará de console para ter a experiência, mas contará com um controle feito exclusivamente para jogar. A ideia é fazer como uma espécie de Netflix dos games, podendo acessá-los rapidamente, sem interrupções ou lags. Não será preciso baixar o jogo para jogar, prometeu a Google.

Resultado de imagem para google stadia

Sundar Pichai, CEO do Google, apresenta o Stadia

A companhia descreve o Stadia como “uma plataforma onde todos poderão fazer de tudo, voltada para quem joga games, para quem produz games e para quem cria conteúdo com games”, referindo-se a YouTubers, desenvolvedores e o público.

A ideia é integrar e jogar nas plataformas Chrome, YouTube, Android, Chromecast, etc, fazendo com que o jogador escolha de forma ágil e simples qual plataforma ele queria jogar.

Controle do Stadia — Foto: Reprodução
Controle do Stadia

Performance

Ainda foi revelado durante a conferência que, já no lançamento, o Stadia vai ter games com resolução máxima de 4k, 60fps, HDR e som surround. Futuramente, segundo a companhia, é que o Stadia conte com resolução 8K e 120fps.

Google Stadia

O serviço oferecerá 10.7 Teraflops de capacidade gráfica. Para efeito de comparação, o Xbox One X, console mais poderoso atual do mercado, conta com 6 Teraflops. Seu concorrente, o PS4, conta com 4.2 Teraflops.

Os jogadores ainda contarão com toda a tecnologia do Google para fazer transmissões ao vivo para o YouTube e fazer suas lives para os interessados em acompanhar as jogatinas.

É óbvio que para ser ter acesso a todo o “poder de fogo” do serviço será necessário ter uma boa ou excelente conexão de internet, que não foi falado na apresentação.

Cross-play

O Stadia contará ainda com suporte para funcionalidades cross-play e cross-progression com outras plataformas, confirmou Phil Harrison, responsável pela divisão dentro da companhia.

“O Google sempre acreditou que o mundo é um lugar melhor quando podemos nos conectar sem barreira”, disse. “E como uma plataforma de nova geração, Stadia será, é claro, completamente cross-plataforma”.

Crowd Play

O recurso do Crowd Play do Stadia vai permitir que um jogador “entre na fila” para participar de uma transmissão de games ao vivo, aguardando sua vez de jogar.

A novidade foi apresenta no Game NBA 2K, em que um jogador que estava assistindo a live pode pedir para entrar na partida e a plataforma apresenta a previsão de entrada na jogatina.

State Share

Com o recurso, um jogador poderá utilizar um save compartilhado para de outro jogador, podendo continuar o jogo de onde este último parou

Games

Próximo grande lançamento da franquia Doom, Doom Eternal estará já na biblioteca de jogos do Stadia. O game ainda chegará para PS4, Xbox One e PC.

O game Assassin’s Creed Odyssey, da Ubisoft, também estará disponível, assim como NBA 2K Sports e Shadow of the Tomb Raider.

Sabe-se ainda que o Google apresentou a
Stadia Games and Entertainment, que desenvolverá jogos exclusivos para o Stadia e terá suporte para pequenos e grandes desenvolvedores.

LANÇAMENTO

O Stadia estará disponível ainda 2019 por enquanto para Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e em partes da Europa. 

Ainda não se sabe o preço do serviço e nem previsão para chegada ao Brasil.

A companhia ainda prometeu que mais games e novidades da tecnologia deverão ser apresentados em breve, especialmente entre junho e setembro.

Assista a Conferência Completa:

Agências/Google

Comentários do Facebook