O Flamengo é o campeão do CBLoL 2019 – Segunda Etapa! A torcida carioca fez uma grande festa na Jeunesse Arena e foi recompensada com cinco jogos incríveis. Após duas tentativas, os Rubro-Negros enfim ergueram sua taça. A espera valeu a pena: foram campeões em casa, diante de sua Nação.


Flamengo eSports 3 x 2 INTZ e-Sports Club

Jogo 1: Vitória da INTZ

A Grande Final começou pegando fogo! Impulsionados por sua torcida nos primeiros minutos, os Ururbus abriram suas asas e se impuseram sobre a INTZ, pegando o First Blood sobre RedBert (Nautilus). A partir daí, no entanto, foram os Intrépidos que dominaram. Na sequência do mesmo lance, cobraram caro a vida de seu Suporte, saindo com uma sequência de eliminações e o Dragão Infernal. O Flamengo tentou reagir. Forçaram dives, buscaram lutas, mas pecavam na hora de executar os lances, e a INTZ respondia afiadíssima. Destaco o papel de Shini (Gragas) e Tay (Urgot). Bem coordenada, a dupla Intrépida controlava os combates, impedindo que o FLA desenvolvesse seu jogo. Quando a INTZ passou a puxar o gatilho, a partida, já bem encaminhada, tomou um contorno mais definitivo. Fecharam o jogo no segundo Barão, após mais uma sequência de eliminações. A princípio tímida, a torcida Intrépida terminou a partida ecoando na Jeunesse.

Jogo 2: Vitória do Flamengo

A palavra-chave do começo da partida foi disciplina. BrTT (Ezreal) perdeu o Flash ainda no começo, e jogou de forma extremamente cautelosa. Farmava apenas com o Disparo Místico (Q), sem dar qualquer chance de iniciação a RedBert (Rakan). Parece que a INTZ ficou confiante demais no bot, e Shrimp (Sejuani) puniu com um bom gank, dando o First Blood para sua equipe. Os Intrépidos não estavam mortos, no entanto! Tay (Gangplank) conseguiu um abate solo sobre Robo (Aatrox), e os Intrépidos ficaram confortáveis para crescer aos poucos. A partida mudou quando Goku (Syndra) entrou no jogo, abusando os erros de posicionamento da INTZ para explodir seus adversários. Com isso, os Rubro-Negros conseguiram o espaço para o Barão, e dominaram de vez o Rift – sua torcida refletia isso na arena. Após o segundo Nashor, veio a vitória do Flamengo. Tudo empatado na série!

Jogo 3: Vitória da INTZ

Jogo 4: Vitória do Flamengo

Quando Robo pegou o terceiro abate com sua Irelia antes dos cinco minutos, a torcida presente na Jeunesse Arena foi à loucura. O Topo do Flamengo ficou incrivelmente forte rápido demais, o que colocou a INTZ em maus lençóis. O que ajudou a segurar o jogo para os Intrépidos foi a presença de Heimerdinger nas mãos de micaO – o Campeão é extremamente seguro, e consegue controlar uma rota com suas máquinas. Por isso, o FLA precisou ter cautela para prosseguir. O jogo tomou outros contornos quando Luci (Alistar) começou a puxar o gatilho, forçando iniciações com seu Flash. A INTZ ainda teve uma chance de virar com uma ótima chamada de Barão no escuro, mas o Flamengo fez a leitura e contestou. Alguns minutos depois, foi a vez dos Rubro-Negros alvejarem o bônus. Diferente dos Intrépidos, derreteram o Nashor, vencendo uma luta de grandes proporções na sequência. Com isso, abriram uma cratera na base da INTZ, e pouco depois empataram a série.


Jogo 5: Vitória do Flamengo

A tensão do quinto jogo estava no ar. Durante a maior parte do confronto, cada equipe tinha um abate, e as jogadas ficavam pautadas em movimentações de mapa. Ninguém queria ceder espaço. Qualquer pequena vantagem poderia ser extrapolada, acabando com a série. O ritmo só mudou quando a INTZ tentou criar. Encontraram o brTT (Xayah) no rio e forçaram a luta. No entanto, o Atirador conseguiu comprar muito tempo e foi bem protegido por seus companheiros. No limite, Robo (Irelia) brilhou, garantindo dois abates que abriram espaço para o Barão Rubro-Negro. Se nas três primeiras partidas foram necessários dois bônus para fechar, na decisiva, o Flamengo teve pressa. A torcida pedia o título, e abate após abate, os Urubus avançaram base adentro.

A INTZ se agarrou às últimas esperanças. Faltava pouco para o Baron acabar. Talvez se conseguissem limpar mais uma wave, pegar uma killzinha que fosse. Se… não teve se. Teve o Flamengo. Os Rubro-Negros são campeões do CBLoL 2019 – Segunda Etapa!


Após bater na trave duas vezes, o Flamengo conseguiu seu título de CBLoL. Após se recuperarem dessa Grande Final, será a hora de mirar no Campeonato Mundial 2019!

Agências/LoL Sports