Projeto de lei que permite acúmulo de internet móvel é aprovado em Comissão do Senado

Sabemos que os planos no Brasil de internet têm seus limites de tempo para o uso, mesmo que você ainda tenha alguns Megas ou Gigas extras sobrando. Mas isso pode mudar de acordo com um projeto de lei que está em discussão no Senado e foi aprovado na casa legislativa na última quarta-feira (5) isso pode mudar. A ideia é que o usuário possa acumular saldo de internet para usar por até dois meses seguidos. Por exemplo, se no fim do mês o usuário ainda tiver 500 MB não utilizados, esse limite seja acrescentado aos demais do plano mensal do mês que vem, acumulando o que não foi gasto.

O projeto PLS 110/2017 é de autoria do senador Dário Berger (PMDB-SC). “Hoje as operadoras usam dois pesos e duas medidas”, disse ele durante o debate na CCT, segundo informações da Agência Senado. “Se você usar menos que o contratado, não tem o que você pagou reposto. Mas se você usa a mais, imediatamente tem o serviço cortado”, justificou sua proposta.

O texto agora segue para a Comissão de Transparência, Fiscalização e Controle (CTFC). Os parlamentares ainda decidirão se irá para o plenário ou se vira lei de forma mais rápida, mas também pode passar por outra comissão na casa. Caso aprovada, ainda deverá passar por veto ou não presidencial.

Agências/OlharDigital

Comaprtilhe


Comentar via Facebbok

comentários