Foto: Reprodução

Através de um comunicado divulgado nesta quinta-feira (20), o sindicato dos trabalhadores de TI de São Paulo (Sindpd) anunciou que fará parte da greve geral marcada para acontecer na próxima sexta-feira (28). A decisão unânime de aderir a paralisação foi tomada numa assembléia realizada na noite de quarta-feira (19).

O sindicato se juntará aos protestos marcados para o dia 28, que contará com a participação de CUT (Central Única dos Trababalhores) para tentar barrar uma série de reformas propostas pelo presidente Michel Temer (PMDB) e que transitam no Congresso Nacional. O sindicato afirma que a paralisação tem como objetivo “defender as conquistas e os direitos dos trabalhadores, ameaçados pelas reformas da Previdência, trabalhista e pela terceirização irrestrita”.

O sindicato deve trabalhar ainda para que os profissionais de TI tenham o interesse para participar dos atos.

Agências/OlharDigital


Comentar via Facebbok

comentários